Sexta, 18 de Setembro de 2020 17:54
Dúvidas pelo seguinte e-mail
Especiais TEXTOS ESCOLHIDOS

Pamela Malva. O LIVRO QUE NUNCA FOI DECIFRADO

CÓDIGOS E ENIGMAS SEM SOLUÇÃO

02/09/2020 20h03 Atualizada há 2 semanas
187
Por: Mhario Lincoln Fonte: AH (PAMELA MALVA )
Uma das páginas do livro.
Uma das páginas do livro.
Uma das páginas do livro.

CÓDIGOS E ENIGMAS SEM SOLUÇÃO:

O LIVRO DE 1978 QUE NUNCA FOI DECIFRADO

 

Criado pelo artista italiano Luigi Serafini, o Codex Seraphinianus é uma enciclopédia bizarra, escrita em uma língua misteriosa

Textos escolhidos: PAMELA MALVA (AH).

 

Desde o início da escrita, a humanidade busca criar novos códigos e símbolos que transformem nossa relação com as palavras. Em constante mudança, portanto, é comum que algumas linguagens caiam em desuso, como no caso do latim.

Entre 1976 e 1978, um artista italiano quis desenvolver seu próprio conjunto de símbolos. Assim, através de letras ornamentadas e frases que ninguém nunca conseguiu compreender, Luigi Serafini criou o Codex Seraphinianus.

Na obra, são cerca de 360 páginas recheadas do mais puro mistério. Quase um enigma, o livro pode ser classificado como uma enciclopédia surrealista, lotada de ilustrações e desenhos sobre fauna, flora e história de um mundo imaginário. 

 

O gênio por trás da obra

Nascido em 1949, em Roma, Luigi Serafini é conhecido por seus incríveis trabalhos como arquiteto e designer. Muito profissional, ele espalhou suas criações por Milão, Umbria e Nápoles e ainda chegou a trabalhar na Holanda.

Como um ilustrador afiado, Luigi já imprimiu seus desenhos em grandes obras da literatura, como em 'Na Colônia Penal', de Franz Kafka. Em meados de 2000, ele chegou a criar seu próprio site, mas a página nunca foi desenvolvida.

Foi em meados da década de 1970, no entanto, que ele criou uma de suas obras mais famosas: o misterioso Codex Seraphinianus. Até hoje, pouco se sabe sobre o livro e menos ainda sobre o que as centenas de páginas retratam.

 

Um enigma de gerações

Publicado em 1981 por Franco Maria Ricci, o Codex é uma enciclopédia escrita e ilustrada à mão pelo próprio Luigi. São mais de mil desenhos e esquemas detalhados, feitos com lápis de cor e espalhados em onze diferentes capítulos.

Além das intrigantes ilustrações, a numeração das páginas também apresentava um enigma. Decodificada por Allan C. Wechsler e pelo linguista búlgaro Ivan Derzhanski, a sequência de números é uma variação da base 21.

Sem contar essa descoberta, o livro continua um completo mistério. Ninguém nunca entendeu uma frase escrita por Luigi em sua totalidade e grande parte da obra permanece indecifrável — sejam as palavras, ou as ilustrações bizarras.

 

1 comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias