Domingo, 09 de Agosto de 2020
Dúvidas pelo seguinte e-mail
Brasil CORDELISTAS

Imortal da Academia Poética Brasileira representa os Cordelistas no Dia Nacional do Cordel

Raimunda de Souza Frazão

01/08/2020 12h18 Atualizada há 1 semana
55
Por: Mhario Lincoln Fonte: ML
Raimunda Frazão, cordelista maranhense
Raimunda Frazão, cordelista maranhense
Durante a Felis. (Feira do Livro de São Luís-Ma).

 

 

 

 

 

Imortal da Academia Poética Brasileira representa os Cordelistas no Dia Nacional do Cordel

No dia em que a Academia Poética Brasileira, através do vice-prtesidente regional MA, poeta Paulo Rodrigues, esteve presente da Feira do Livro de São Luís-Ma, a cordelista Raimunda Frazão foi um dos destaques. 

 

 

 

 

A Academia Poética Brasileira, promoveu um bate papo literário, na Feira do Livro de São Luis conduzido peloVice-presidente Regional da APB/MA, poeta Paulo Rodrigues, representando o Presidente Mhario Lincoln. Um momento muito rico culturalmente, com a presença de convidados de grande expressividade, tal quais os mestres José Maria Nascimento, Raimunda Pinheiro De Souza Frazão, Tourinho,Nonato Reis, Joel DuMara, Sharlene Serra, Vitória Duarte, Valmir Colares e o nosso anfitrião Pedro Cantanhêde, dentre outros convidados. Evoé, Poesia!

 

Raimunda Frazão/Curta Alunos de Letras UFMA.

BIOGRAFIA LITERÁRIA

Raimunda Pinheiro de Souza Frazão nasceu no Dia da Poesia em Campo de Pombinhas, município de Cantanhede. Morou em Pirapemas, São Mateus e São Luís, antes de se fixar no povoado de São José de Ribamar. Técnica em Edificações pela Escola Técnica Federal do Maranhão, graduou-se pela UFMA em Teatro. Foi servidora pública federal por 26 anos, trabalhando nos Correios em São Luís. De 1994 a 2011 foi secretária e professora voluntária na Ong Moversarte, atuante no município de São José de Ribamar. Atualmente dedica-se ao Teatro e às performances poéticas. É uma das raras mulheres cordelistas do Maranhão, o que faz dela uma artesã solitária em um gênero predominantemente masculino e pouco cultivado em nosso meio. E é levantando a bandeira da Literatura de Cordel que Raimunda Frazão se tornou presença constante em feiras e eventos literários país afora, ampliando sua experiência nessa arte e expandindo sua rede de companheiros de ofício. Entre outros, tem publicados os livros São Luís em poesias (1997), São José de Ribamar lendas em versos (1998), São José de Ribamar lendas em versos II (2003), Lugares e momentos (2003), Beija flor meu colibri (2011). Publicou também os livretos Aventuras de um cachorro viajante (2002), Mulheres (2005), Desventuras de um cachorro raptado (2010), Ana Jansen em Cordel (2011) e São Luís do Maranhão - Cordel dos 500 anos (2002).

 

CURTA EM HOMENAGEM A RAIMUNDA FRAZÃO

Crédito: Youtube.com

 

Direção: Pedro Lobo. Fotografia: Geovanne França e Dayvison do Canal. Produção: Alunos de Letras - UFMA

 

Siga o link: https://www.youtube.com/watch?v=BhmDPpHz4-k&feature=youtu.be

2 comentários
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias