Quinta, 04 de Junho de 2020
Dúvidas pelo seguinte e-mail
Especiais Sigmund Freud

A teoria da sexualidade feminina de Freud.

"Uma mulher inquieta vai ao médico ou às compras.” A frase é de Sigmund Freud

02/04/2020 13h41 Atualizada há 2 meses
47
Por: Mhario Lincoln Fonte: Superinteressante
Reportagem da Superinteressante
Reportagem da Superinteressante
PÊNIS OU ÚTERO?

EM SUA TEORIA SOBRE A SEXUALIDADE FEMININA, O AUSTRÍACO REVELOU-SE UM ARQUÉTIPO DE MACHISTA

 

 

 

 

 

 

"Uma mulher inquieta vai ao médico ou às compras.” A frase machista poderia ser dita num grupo de amigos bêbados, fazendo piada sobre as esposas. Mas saiu da boca do pensador que mais se dedicou a investigar a mente humana, partindo justamente dos distúrbios emocionais das mulheres. Sigmund Freud, aliás, teria como preencher um pequeno livro só com seus ditos misóginos – como este, que soltou durante os debates da Sociedade Psicanalítica de Viena sobre a “posição natural das mulheres na sociedade”, em 1906: “Uma mulher não pode ganhar o sustento e criar os filhos ao mesmo tempo”. Um ano antes, chamado a atuar como perito para uma reforma na lei do divórcio, o austríaco ainda diria: “A igualdade entre os sexos é impossível devido aos seus diferentes papéis no processo de reprodução”.

LEIA A ÍNTEGRA SOBRE A REPORTAGEM  QUE MENCIONA FREUD clicando no link a seguir: https://www.mhariolincoln.com/noticia/110/em-sua-teoria-sobre-a-sexualidade-feminina-o-austriaco-revelou-se-um-arquetipo-de-machista

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias